Um novo jeito de ficar eufórico tem, supostamente, feito a cabeça dos jovens na Índia: o chá de camisinha. Adolescentes estão fervendo as camisinhas saborizadas e bebendo a água. O caso foi contado pelo canal de notícias indiano CNN-News 18, segundo o site Gizmodo. Especialistas reforçam que isso pode trazer prejuízos à saúde.

Conforme noticiado, desde julho as vendas de preservativos com sabor dispararam na cidade de Durgapur.  Ainda de acordo com o canal local, um cliente questionou os motivos disso e recebeu a resposta de um vendedor: os jovens estavam buscando essa nova forma de ficarem “doidões”.

Publicidade

Efeitos
Para o pesquisador de polímeros, Udayan Basak teoricamente é possível ficar “chapado” bebendo chá de camisinhas. Isso acontece porque os produtos contêm resinas de poliuretano, usados para garantir que eles durem muito e estiquem mais ainda. A glicerina também é componente, garantindo o sabor.

“Acredita-se que o etilenoglicol, um tipo de álcool, é produzido quando o poliuretano se decompõe após ferver os preservativos com sabor em água por seis a oito horas”, disse Basak em entrevista à revista Vice.

A sensação parecida seria a de cheirar cola, de acordo com especialistas ouvidos pela CNN-News18, o que causa euforia e uma sensação alucinógena durante alguns minutos. Além disso, efeitos adversos como intoxicação e vício também são esperados.

Com informações do Mais Goiás



Fique bem informado, nos acompanhe em nossas redes sociais
Telegram
Instagram
Twitter
Facebook - Grupo
Facebook - FanPage
WhatsApp - Grupo